Aula demonstrativa de pilates deve ser gratuita?

Tempo de leitura: 2 minutos

Existem 3 fatores importantes:

VALORIZE, NÃO DESVALORIZE


Você fez um investimento para poder ter condições de ser um instrutor de Pilates? Então porque não se vê no direito de cobrar por uma aula demonstrativa? Não estamos falando de valores financeiros, mas de valorizar seu trabalho. Se você não valorizar o seu trabalho, ninguém vai valorizar.

SELECIONE, NÃO SEJA SELECIONADO

O cliente\aluno que realmente tiver interesse em levar o trabalho a sério e a se comprometer com as aulas, não vai procurar apenas o preço, vai procurar um bom profissional. É muito melhor ter uma agenda enxuta com clientes\alunos que não faltam, têm disciplina e comprometimento, do que agenda lotada, porém com horários vazios por faltas constantes. Daí que vem a frustração profissional.

CONCORRÊNCIA COMO SUA GRANDE ALIADA

A concorrência é uma grande aliada na nossa vida profissional, ela nos move. Mas, infelizmente, existem profissionais que ao invés de procurar melhorar e investir nos seus estudos, acha mais fácil “prostituir” nossa profissão cobrando um valor completamente fora da realidade, não pensando na qualidade e sim na quantidade, para conseguir se manter no mercado.

Vocês já leram o que o código de ética do CREFITO fala sobre os honorários? Aqui está o capitulo que fala sobre o assunto aqui discutido:

CAPÍTULO VIII – DOS HONORÁRIOS

Artigo 36 – O fisioterapeuta tem direito a justa remuneração por seus serviços profissionais. Artigo 37 – O fisioterapeuta, na fixação de seus honorários, deve considerar como parâmetro básico o Referencial Nacional de Procedimentos Fisioterapêuticos.

Artigo 38 – O fisioterapeuta pode deixar de cobrar honorários por assistência prestada a: I-ascendente, descendente, colateral, afim ou pessoa que viva sob sua dependência econômica; II – colega ou pessoa que viva sob a dependência econômica deste, ressalvado o recebimento do valor do material porventura despendido na prestação da assistência; III – pessoa reconhecidamente hipossuficiente de recursos econômicos.

E você, vai valorizar seu trabalho ou vai permitir que as pessoas saiam fazendo via sacra nos estúdios de Pilates durante um bom tempo fazendo aula de graça?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *